Câmara de Curitiba inicia novas sessões de julgamento de Renato Freitas

Publicado em 04 de agosto de 2022

O vereador Renato Freitas (PT) pode ser cassado pela segunda vez em sessões da Câmara Municipal de Curitiba marcadas para esta quinta-feira (4) e sexta (5). Ele é acusado de quebra de decoro parlamentar por ter liderado manifestação que invadiu a Igreja do Rosário, no centro histórico da capital paranaense.As manifestações eram contra o assassinato, no Rio de Janeiro, do congolês Moïse Kabagambe e contra o racismo.

O mandato de Renato Freitas já havia sido cassado em junho último, mas a Justiça suspendeu a decisão alegando desrespeito ao processo de tramitação na Câmara. A defesa de Freitas, liderada pelo advogado Guilherme Gonçalves, deve recorrer caso ele perca o mandato novamente.

Contraponto

Alda - 391x69

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.