INFRAESTRUTURA
Socipar pede apoio do governador Ratinho Junior na proposta de recontagem do tráfego rodoviário

Publicado em 30 de junho de 2022

A comprovação do maior volume de carros e caminhos permitirá reivindicar obras de duplicação das rodovias paranaenses imediatamente

ApoioEm audiência com o governador Carlos Massa Ratinho Junior, em Curitiba, lideranças da Sociedade Civil Organizada do Paraná (Socipar) falaram da necessidade de recontar o tráfego rodoviário em todo o Estado.O grupo representado por paranavaienses contesta os números de veículos relativos a 2019 e cita como exemplo a constatação feita neste na BR-376, na Região Noroeste. “A diferença é considerável, o número é 100% maior”, diz o presidente da Socipar, Demerval Silvestre. O levantamento foi feito no início do ano pela empresa Perplan, a pedido entidade, custeado por empresas e organizações que integram a Socipar.

Ele argumenta que a comprovação do maior volume de carros e caminhos permitirá reivindicar obras de duplicação das rodovias paranaenses imediatamente, sem que seja necessário esperar 10 ou 20 anos. Também abrirá a possibilidade de aplicar valores mais baratos de pedágio.

“A Socipar não medirá esforços para que a população paranaense, não passe por esse grave problema. Tivemos uma experiência desagradável com os últimos 25 anos de pedágio. Errar uma vez é compreensível, mas duas é inadmissível”, conclui Silvestre.

A reunião com o governador Ratinho Junior foi na tarde desta quarta-feira. O deputado estadual Ricardo Arruda acompanhou Silvestre e Ivo Pierin Junior, vice-presidente da Socipar.

Diário do Noroeste

Alda - 391x69

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.