Bolsonaro pede que Deus salve a imprensa

Publicado em 08 de outubro de 2019

Jair Bolsonaro está cada vez mais irritado com a postura de alguns segmentos da imprensa. Nesta terça-feira (8), em frente ao Palácio da Alvorada um pastor pedia, entre outras coisas, que a mídia pudesse ser verdadeira. Um jornalista perguntou sobre o vazamento de óleo na costa brasileira. Bolsonaro afirmou que tinha um país “no radar”. Questionado se era a Venezuela, o presidente disse que não podia acusar sem provas. “É reservado” disse.  Outro repórter perguntou ao presidente sobre as acusações de tortura pela Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária no Pará, sob investigação do MP, revelada pelo jornal O Globo. Bolsonaro recusou-se a responder e desabafou. “Meu Deus, salve, lave a cabeça dessa imprensa fétida que nós temos. Lave a cabeça deles. Que bote coisas boas dentro da cabeça. Que possa perguntar e ajudar com sua matéria para salvar o nosso Brasil. Eles não viam problemas em governos anteriores. Vocês são importantíssimos para salvar o Brasil”.
Pessoas gritaram amém. A insistência do repórter foi abafada pelos aplausos do povo.

Alda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.