Vereadores propõem reconhecer

Publicado em 18 de abril de 2019

Instituto Maurício Gehlen como de utilidade pública

Utilidade-IMGDesde que inaugurou o Centro de Convivência do Idoso (CCI), o Instituto Maurício Gehlen (IMG) “vem prestando um serviço de excelência aos idosos, atualmente atende 1.090 pessoas divididas em 17 atividades, totalizando 2.343 atendimentos em todas as atividades”. A constatação é dos vereadores Aldrey Azevedo, Lucas Barone e Zenaide Borges e está na justificativa do projeto de lei que declara a instituição como de utilidade pública.

O projeto, apresentado na sexta-feira passada pelos três vereadores, foi lido em plenário na sessão de segunda-feira e seguiu para análise da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o que deve acontecer na próxima segunda-feira. A previsão é de que o projeto comece a ser analisado em plenário na sessão do dia 29.

O fundador e presidente do Instituto, o empresário Maurício Gehlen disse que reconhece na iniciativa dos vereadores proponentes da lei, “a visão da importância pública que esse equipamento está oferecendo aos idosos de nossa cidade”.

A proposta dos vereadores aconteceu na mesma semana em que o CCI completou seu primeiro aniversário, domingo passado, dia 14. “A gente fica muito feliz em poder comemorar este primeiro ano do nosso Centro de Convivência do Idoso e ter este reconhecimento nobre destes três vereadores por uma causa tão bonita. Reconhecer o CCI como utilidade pública municipal é uma conquista muito grande, é a prova que estes vereadores aprovam o trabalho que está sendo realizado lá”.

Gehlen complementa: “ter nesses vereadores a grandeza deles reconhecerem o Instituto como utilidade pública municipal é motivo de alegria para mim, que sou o instituidor, e para os diretores. E os idosos também ficaram muito felizes em saber que aquele equipamento pode ser reconhecido oficialmente de utilidade pública municipal”.

VIDA DIGNA – Na justificativa do projeto, Aldrey, Lucas e Zenaide afirmam que “o trabalho realizado perlo Instituto Maurício Gehlen deu frutos positivos, isto porque é notório o contentamento dos idosos que fazem uso do Centro de Convivência do Idoso, praticando diariamente suas atividades que para muitos redunda na motivação para uma nova vida, mais digna e mais feliz, principalmente para aqueles que jamais teriam condições de pagar pelos serviços prestados na rede privada”.

Os vereadores ainda destacam que o IMG “é destaque em nível estadual e federal, sendo ventilada a criação de outros centros de convivência do Estado do Paraná” e que esperam que seus pares reconheçam “os relevantes serviços prestados pela entidade, aprovando o presente projeto, declarando ser a mesma de utilidade pública”.

 

Alda

Um comentário sobre “Vereadores propõem reconhecer

  1. Parabéns pela matéria, pois trata-se de uma sementinha plantada aí em nossa cidade, que, pelo andar da carruagem, se estenderá pelo nosso Paraná todo.
    Torcemos para que o Executivo paranaense se mire exatamente nessa primeira semente, não distorcendo as próximas a serem plantadas.

    Parabéns ao Maurício Gehlen e sua família, e um abraço fraterno aos propositores da matéria.

    Afonso – São Chico – SC – 22.04.2019

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.