Ministros do STF pasmados com Dias Toffoli

Publicado em 12 de abril de 2019

Pois é. Tudo indica que Dias Toffoli também teve “relacionamento” com a Odebrecht. Foi o que revelou Marcelo Odebrecht à PF. O codinome de Toffoli, que era advogado-geral da União, no governo Lula, era “amigo do amigo do meu pai”. Segundo Josias de Souza um ministro do STF disse que ficou “chocado” com Dias Toffoli. E outro ministro do STF disse que ficou “pasmado”.
Como Toffoli tem foro privilegiado o caso está com a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, desde fevereiro.
Com o vazamento da informação, avalia-se, Dodge deverá dar explicações à sociedade.
Com informações de O Antagonista

Alda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.