“Onde o povo trabalha, o PT não cresce”

Publicado em 13 de julho de 2018

Em seu discurso em Marabá, no Pará, ao lado do irmão do empresário Luciano Fernandes, assassinado em maio em um caso de disputa de terras, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) disse: “É um crime, ninguém duvida disso. Agora, esses marginais que cometeram esse crime não merecem lei, não. Merecem é bala!” – “A arma de fogo é um direito de vocês. É um direito do cidadão de bem” – “E mais importante do que a defesa da sua vida é a defesa da nossa liberdade, que essa esquerdalha, materializada com o nome de PT, partido de trambiqueiros, quer tirar de nós. Onde o povo trabalha, o PT não cresce”.
Esta campanha promete!
Com informações de O Globo

Alda

2 comentários sobre ““Onde o povo trabalha, o PT não cresce”

    • Professor, tá falando do Lula e da missa-comício em São Bernardo do Campo horas antes de ser preso por corrupção com empreiteiro? #DigaSimAoEscolaSemPartido

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.