“Minha candidatura não é imposição”

Publicado em 10 de março de 2018

O advogado e tucano Luiz Henrique Escarmanhani confirmou à jornalista Ana Lazarini, em seu programa na web, que colocou seu nome na condição de pré-candidato a deputado federal pelo PSDB. Falou que jamais pensou em entrar na política e tomou a decisão após ser provocado por amigos, que fizeram o convite. Mas sua pré-candidatura “não é uma imposição”. Lembrou que representa novidade, mas foi enfático de que ser só novo não é requisito para entrar na política. E garantiu que se confirmar sua candidatura não quer recursos do fundo partidário, que é constituído por recursos públicos, para sua campanha. V ai usar recursos próprios, já que pretende fazer campanha visitando as pessoas, difundindo suas ideias.

Alda

3 comentários sobre ““Minha candidatura não é imposição”

  1. Porque será que esse pré-candidato nunca saiu para vereador aqui em Paranavaí? Pra isso ninguém dos amigos lhe ‘provocou’?
    E ele disse que jamais pensou em ENTRAR para a política? Então porventura tá pensando em SAIR? Se não for isso então o que dizer daquela candidatura dele a vereador em 1996 em Tamboara, quando fez 111 votos e ficou como suplente? Não estava ENTRANDO pra política? Já se esqueceu disso ou tá fazendo de conta que não se lembra mais?
    É por essas e por outras que o eleitor sempre desconfia dos políticos. O sujeito mal chega na área política e já vem ‘se fazendo de esquecido’ das coisas, achando que todo mundo tem memória curta, ora bolas.

  2. “Coisa do cão”! o cara já levou uma sapecada!!!
    Mas com apoio do sócio advogado do posto ele vai loooonge!
    talvez até Tamboara.
    kkkkkkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.