Sinserpar vai reapresentar

Publicado em 07 de agosto de 2018

 pauta de reivindicações à Administração Municipal


Está mantido o pedido de aumento real de salário em 7%

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Paranavaí (Sinserpar) protocolou, na manhã desta terça-feira (07), na Prefeitura Municipal, ofício solicitando audiência com o prefeito Carlos Henrique Rossato Gomes (Delegado KIQ), para reapresentar as reivindicações da categoria. Aprovadas em assembleia geral da categoria, as reivindicações foram apresentadas em março à Administração Municipal, antes da data base dos servidores. Na ocasião, no entanto, foi concedido apenas a reposição com base no INPC dos 12 meses anteriotres, de 1,56%. E o prefeito KIQ acertou com os líderes sindicais que voltariam a tratar do assunto no mês de agosto.
“Desde o final do mês passado os servidores têm nos cobrado a reapresentação das reivindicações do dissídio coletivo. Fizemos uma reunião da diretoria com representantes de todas as secretarias e agora vamos reapresentar a nossa pauta”, informou o presidente do Sinserpar, Gabriel dos Santos Luiz, que, na última segunda-feira, junto com a vice-presidente Suzi Cristiane Faquim, finalizou a documentação que foi protocolada na prefeitura e assinada por ambos.
No total são 18 pedidos que atendem todos os servidores. Depois são elencados reivindicações de interesse exclusivo de algumas categorias e secretarias, como a dos educadores sociais, assistentes sociais, guardas municipais, agentes de conservação e servidores das secretarias de Proteção à Vida e da Educação.
De acordo com Gabriel e Suzi, os servidores mantém a proposta de reajuste real salarial, com a concessão de aumento real, de 7%; concessão de vale transporte e vale refeição; novo laudo de insalubridade e periculosidade e a contratação de empresa especializada para produção de um novo plano de cargos e carreiras dos servidores. “A aquisição deste plano foi sugerida pelo prefeito KIQ. Ele quer que o Sindicato faça a compra. Estamos dispostos a fazer a aquisição. Mas isto tem que ser negociado dentro de um pacote que traga benefícios aos servidores”, diz Gabriel.
Entre as reivindicações que afetam diretamente algumas categorias, o Sinserpar destaca a redução da carga horária para 30 horas semanais para o cargo de Psicólogo, equiparando ao dos assistentes sociais e a gratificação de 20% aos professores que exercem atividade no meio rural como ajuda no custeio do transporte e alimentação.
Gabriel e Suzi têm boas expectativas em relação ao atendimento das reivindicações. “Estamos otimistas, pois foi o prefeito que pediu para adiar a discussão e o atendimento das propostas para agosto. Então nossa expectativa é muito boa”, comentou o presidente do Sinserpar.

Alda

2 comentários sobre “Sinserpar vai reapresentar

  1. Aumento acima da inflação? Simples, oras, só aumentar impostos municipais. Resolvido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.